“IGREJAS DO ULTRAMAR – ANGOLA” – PÓVOA DE RIO DE MOINHOS

EXPOSIÇÃO:

“IGREJAS DO ULTRAMAR – ANGOLA” – PÓVOA DE RIO DE MOINHOS

Entre os dias 22 e 28 de Agosto de 2022, decorreu uma Exposição: “Igrejas do Ultramar – Angola”, na “Casa da Cultura” (Sala Benedicta Maria Duque Vieira) em Póvoa de Rio de Moinhos, evento organizado pela União de Freguesias de Póvoa de Rio de Moinhos e Caféde, Paróquia de São Lourenço e Real Associação da Beira Interior, o autor da Exposição foi o albicastrense Jaime Magueijo que trabalha actualmente em Angola e tem raízes neste país africano.

O tema abordado é beleza arquitectónica das igrejas construídas durante a presença portuguesa em Angola.

A exposição permite uma viagem pelas igrejas ultramarinas ao longo dos séculos, do XV ao XX, em que a mais antiga, a “Catedral de São Salvador do Congo” representa a conversão dos Reis do Congo ao cristanianismo, passando pela igreja Nossa Senhora de Nazaré que contam a história da famosa batalha de Ambuíla (século XVII), bem como, igrejas no século XX associadas a grandes empresas tais como: a Companhia Agrícola de Angola (Vila da Boa Entrada), Companhia de Açúcar de Angola (Açucareira) e Caminho de ferro de Porto Amboim (Porto Amboim – santuário de Santo António).

A Exposição teve a presença de 44 pessoas do Distrito de Castelo Branco, Distrito de Lisboa e um muçulmano do Paquistão.

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Castelo Branco com as tags , . ligação permanente.