Penamacor: Formado “Laço Azul” com 400 pessoas

Penamacor: Formado “Laço Azul” com 400 pessoas

O Mês da Prevenção dos Maus Tratos na Infância, assinalado pela Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Penamacor, em conjunto com a Câmara Municipal e o Agrupamento de Escolas Ribeiro Sanches, terminou com a formação de um Laço Azul, no Terreiro de Santo António, esta sexta-feira, dia 29 de abril.

A comunidade escolar do concelho participou na iniciativa, que contou com cerca de 400 pessoas.

400 pessoas em Penamacor formaram laço azul

Recorde-se que a Campanha do Laço Azul teve início em 1989, com a norte-americana Bonnie Finney, para chamar a atenção para um problema de maus tratos que vitimou mortalmente um dos seus netos e afetou uma outra neta. O azul representa o corpo batido e as nódoas negras das duas crianças.

Durante o mês de abril, decorreram diversas atividades destinadas às crianças, jovens e população em geral, no sentido de alertar para a problemática dos Maus Tratos na Infância.

Assim, foram afixados Laços Azuis nas fachadas de edifícios públicos, iluminou-se espaços públicos a azul e criou-se uma tenda alusiva à prevenção dos maus tratos infantis no Jardim da República.

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Penamacor com as tags , , . ligação permanente.