Oleiros recebeu a fase escolar/municipal do Concurso Nacional de Leitura

Oleiros recebeu a fase escolar/municipal do Concurso Nacional de Leitura

No dia 10 de março, realizou-se a fase escolar/municipal da 15.ª edição do Concurso Nacional de Leitura no Edifício Multiusos das Devesas Altas em Oleiros. Participaram 45 alunos do 1.º ciclo, 10 do 2.º ciclo, 16 do 3.º ciclo e 3 do ensino secundário.

O Vereador da Câmara Municipal de Oleiros, Paulo Urbano, marcou presença na abertura deste acontecimento, onde enalteceu a participação de todos e a importância do evento para o desenvolvimento pessoal e cognitivo, para a melhoria da oralidade e da escrita e para o enriquecimento do vocabulário. “Este concurso é fundamental para estimular os hábitos de leitura dos nossos jovens”, sublinhou. Na ocasião, o autarca referiu ainda que com “aquele novo espaço”, – recentemente inaugurado – Oleiros tem ganho uma “nova dinâmica cultural”.

Paulo Urbano

As obras a concurso foram A Princesa e a ervilha, de Hans Christian Andersen (1.º ciclo); A Viúva e o Papagaio de Virginia Woolf (2.º ciclo); História de uma gaivota e do gato que a ensinou a voar, de Luis Sepúlveda (3.º ciclo); e Contos completos, de Gabriel García Marquez (ensino secundário).

De manhã, os alunos realizaram a prova escrita, seguida de uma animação cultural por parte dos estudantes de Humanidades do 11.ºA. À tarde, realizou-se a prova oral.

Ficaram apurados para a fase intermunicipal, que se irá realizar em Vila Velha de Rodão, os alunos:

1.º Ciclo: Eva Almeida – EB1 do Orvalho (4.º ano); Soraia Salgueiro – EB! de Oleiros (4.º ano); Simão Dias Castanheira – Eb1 de Oleiros (2.º ano); Inês Alves Lourenço – EB1 de Oleiros (2.º ano).

2.º Ciclo: Inês Lourenço – 6.ºA; Ana Carolina Domingues – 6.ºA; Diana Lourenço – 6.ºA; Jamila Pedroso – 6.ºB

3.º Ciclo: Cristiana Nunes – 7.ºA; Rafael Leão – 8.ºA; Matilde Ribeiro – 7.ºA; Tiago Bispo – 8.ºA

Secundário: Soraia Martins – 10.ºA; Mariana Antunes – 10.ºA; Tiago Diogo – 10.ºA

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Oleiros com as tags , , . ligação permanente.