Santa Casa da Misericórdia da Covilhã mobiliza-se a favor dos cidadãos da Ucrânia

Face à situação atual, de violação, absoluta, dos Direitos Humanos, a Santa Casa da Misericórdia da Covilhã manifesta a sua total solidariedade para com os cidadãos ucranianos através da criação de uma equipa de resposta à situação de emergência humanitária na Ucrânia.

Esta equipa de ação social, multidisciplinar, constituída por psicólogos, assistentes sociais, sociólogos e educadores está mobilizada e ao serviço para prestar uma resposta aos cidadãos e cidadãs ucranianas.

A par, desta equipa de resposta à emergência humanitária, a Santa Casa da Misericórdia da Covilhã já encetou diversas diligencias, com os nossos parceiros nacionais, e com a União das Misericórdias Portuguesas em particular, dando nota da nossa disponibilidade para acolher famílias ucranianas que venham a solicitar a Portugal, auxílio e acolhimento.

Estamos ao serviço das cidadãs e cidadãos Ucranianos residentes no concelho da Covilhã, no auxilio às suas famílias, que possam estar a residir na Ucrânia, e disponíveis para apoiar, dentro das nossas capacidades e competências, todos os que de nós necessitem.

Sendo, civis, crianças, mulheres e homens inocentes, as maiores vítimas deste conflito, a Santa Casa da Misericórdia da Covilhã mobilizará todos os esforços na ajuda humanitária necessária.

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Castelo Branco, Covilhã, Destaques com as tags , . ligação permanente.