Proença-a-Nova: Mercado dos Sabores de Natal termina com saldo positivo

Mercado dos Sabores de Natal termina com saldo positivo

O Mercado dos Sabores de Natal, que decorreu no fim-de-semana entre os dias 18 e 19 de dezembro no Mercado Municipal, terminou com saldo positivo quanto ao número de produtos vendidos e com feedback bastante satisfatório no que concerne à afluência de pessoas que vieram visitar os mais de 20 expositores que preencheram e decoraram os seus espaços dispersos pelo Mercado e áreas envolventes. Durante dois dias o Mercado Municipal foi a montra de produtos de artesanato, gastronomia e muita animação, em que a filhó e outros bolos tradicionais foram os mais procurados pelos visitantes, como confirmaram alguns dos participantes.

João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova, referiu que apesar das limitações impostas pela Covid-19 “não era do interesse do Município que tal impedisse a não realização deste Mercado. Até porque é expectável que a população queira partilhar e experimentar o sabor daquela que por esta altura do ano é a rainha: a filhó”. A oportunidade de potenciar o comércio local foi outra das razões que levaram à realização do mercado, como refere o autarca: “ao mesmo tempo, pretendemos dar oportunidade aos nossos agentes locais, os comerciantes, que com os seus recursos endógenos vêm mostrar as potencialidades do nosso território. Aquilo que era a expectativa de atração de população poderá até ficar aquém do que seria a normalidade, mas ainda assim, traduziu-se de forma visível. Frisou ainda que simultaneamente “foram cumpridos os parâmetros de segurança exigidos”.

Mário Faísca vestiu a pele de Pai Natal e foi presença habitual ao longo de todo o Mercado, tendo convivido não só com os comerciantes do Mercado, mas também dos negócios fixos que envolvem a área adjacente a este espaço. Sábado, o grupo Teatroàfaca apresentou a peça “Tradições de Natal” e domingo foi a vez do grupo Atrapalharte exibir a peça “Mete Bicas”. A animação ficou também a cargo das bandas Xaral’s Dixie e Marchinha de Natal e de Fábio Farinha que animaram toda a área envolvente.

No domingo de manhã decorreu ainda o Passeio Pedestre Natal Rota Gourmet, integrado na programação do Mercado dos Sabores de Natal, que percorreu as várias localidades que compõem as Atalaias – Atalaia de Estevão Vaz, Atalaia do Ruivo e Atalaia Catarina Vaz -, mostrando aos caminheiros a possível origem do nome: estar de atalaia é estar de vigia e são vários os pontos de observação privilegiada dentro da povoação, a começar pelo recinto de festas, na sede da associação local.

Os momentos de degustação estiveram bastante presentes, destacando-se a tiborna, o bacalhau, a sopa da pedra, pão de medronho com queijo fresco ou bolo finto com chouriço, entre outros. Vários destes participantes acabaram por terminar a tarde no Mercado dos Sabores de Natal.

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Proença-a-Nova com as tags , , . ligação permanente.