Grand Prix F2 de Motonáutica regressa a Vila Velha de Ródão

Câmara Municipal de Ródão e Federação Portuguesa de Motonáutica assinam contrato para realização do Grand Prix F2

. 4 a 6 de Junho é a data da importante prova

A Câmara Municipal de Vila Velha de Ródão e a Federação Portuguesa de Motonáutica (FPM) assinaram esta sexta-feira, 12 de março, um contrato de patrocínio desportivo para a realização do Grand Prix F2, em Vila Velha de Ródão, entre os dias 4 e 6 de junho, uma prova inscrita no calendário de 2021 da FPM e que, à semelhança do ano passado, trará ao concelho os melhores pilotos do mundo nesta modalidade.

O acordo agora assinado entre as duas entidades estabelece as regras para a organização conjunta da prova e prevê a atribuição de um apoio financeiro de 35 mil euros à FPM por parte da Câmara Municipal de Vila Velha de Ródão, destinado a despesas com a organização da prova, e a prestação de apoio logístico e de recursos humanos. À FPM caberá assegurar, entre outros aspetos, a coordenação técnica e o cumprimento dos requisitos legais e de segurança associados a esta competição, assim como a divulgação e promoção do evento.

A realização de mais uma etapa do Campeonato do Mundo de F2 em Vila Velha de Ródão é encarada por nós como um investimento na promoção da região e do interior do país em geral e uma aposta na diversificação da oferta turística. Apesar do contexto de pandemia, a prova que decorreu o ano passado no nosso concelho mereceu rasgados elogios da parte das equipas e da imprensa internacional, não só pela qualidade do espetáculo proporcionado, mas também pela hospitalidade da vila, pelo que não duvidamos que este sucesso se repetirá este ano”, explicou o presidente da Câmara Municipal de Vila Velha de Ródão, Luís Pereira.

Esta é a segunda vez que Vila Velha de Ródão é anfitriã do Campeonato do Mundo de F2, tendo acolhido, em outubro de 2020, as duas últimas etapas desta prova, que foi encurtada devido à pandemia e culminou com a sagração do piloto português Duarte Benavente como campeão do mundo desta modalidade, um título inédito para a motonáutica portuguesa.

Sobre Jornal de Oleiros

Nascemos em 25 de Setembro de 2009. Lutamos arduamente pela defesa do interior, o apoio às famílias e a inclusão social. Batemo-nos pela liberdade e independência face a qualquer poder. Somos senhores da nossa opinião.
Esta entrada foi publicada em Desporto com as tags . ligação permanente.